Eu posso realizar a FIV com valores acessíveis? Entenda porque a resposta é sim

fiv

A fertilização in vitro é um dos métodos de reprodução assistida mais utilizados atualmente. Mas por ser um método mais custoso, muitos casais acreditam que não podem encontrar uma FIV com valores acessíveis. Com isso, adiam o sonho de uma gestação o máximo que podem. 

No entanto, o Pró-FIV mostra que é sim possível participar de uma FIV com valores acessíveis. Neste texto, você vai entender mais sobre o método e como participar do programa exclusivo da clínica. Confira:

O que é e como funciona a Fertilização In Vitro?

A fertilização in vitro (FIV) é um método de reprodução assistida em que a fecundação do óvulo pelo espermatozoide é feita fora da barriga da mulher. Depois que há a formação do embrião em laboratório, ele é inserido no útero — por isso é popularmente conhecida como “bebê de proveta”, por conta do tubo de ensaio muito utilizado em ambientes médicos.

Na clínica Pró-FIV, a FIV tem 4 fases e dura em média 30 dias:

Indução da ovulação

O médico estimula os ovários com medicamentos (via oral ou injeção) à base de gonadotrofina coriônica humana (GnRH), glicoproteína que promove a produção de progesterona, essencial para a implantação e o desenvolvimento do embrião no endométrio.

Essa estimulação serve para que os ovários liberem óvulos, as células reprodutivas que, quando fecundadas com espermatozoides, formarão embriões.

Coleta de óvulos e espermatozoides

Após 34h de indução, o médico vai aspirar os óvulos maduros utilizando uma agulha intravaginal. Todo o trabalho é feito usando o aparelho de ultrassonografia como guia. 

Os óvulos são colocados numa placa de cultura e fertilizados com os espermatozoides, por isso o homem também precisa passar pela coleta, que é feita por meio da masturbação. Para tal, ele precisa evitar a ejaculação de 2 a 5 dias antes do procedimento. Os gametas, então, ficarão de 2 a 5 dias em fecundação.

Transferência de embriões ao útero

Após a coleta e a fecundação do oócito com o espermatozoide na placa de cultura, o embrião precisa ser transferido para o útero. O médico sempre transfere 2 ou mais embriões, mas não muitos para não causar gestação múltipla.

A quantidade leva o seguinte raciocínio:

– mulheres com até 37 (trinta e sete) anos: até 2 (dois) embriões;
– mulheres com mais de 37 (trinta e sete) anos: até 3 (três) embriões;
– em caso de embriões euploides ao diagnóstico genético; até 2 (dois) embriões, independentemente da idade; 

E por que esse aumento progressivo? Porque mulheres com mais de 35 anos têm mais dificuldades de engravidar. O número maior de embriões tem como objetivo aumentar as chances de uma gravidez bem-sucedida.

Exame de gravidez

Com tudo feito, é preciso saber se houve sucesso na fecundação. A mulher deve fazer o teste de gravidez 14 dias após o fim do procedimento. Caso consiga engravidar, só precisará fazer o acompanhamento médico, como ocorre em uma gravidez por método natural.

Lembre-se de que a FIV é um método recomendado para casais que tentam engravidar há mais de 12 meses. Depois desse tempo, as chances de uma gestação por método natural caem de maneira considerável.

Fertilização In Vitro acessível: o que é isso?

A FIV acessível é o programa do Pró-FIV para facilitar o pagamento do tratamento a pessoas que não têm condições financeiras de arcar com ele. Nesse caso, todas as fases da FIV podem ser parceladas em até 10 vezes. Além disso, as consultas também têm preço mais em conta. 

Além das condições facilitadas de pagamento, a FIV com valores acessíveis aproveita estruturas compartilhadas de outras clínicas especializadas em reprodução assistida. Com isso, o paciente aproveita o melhor da tecnologia sem sofrer no aspecto financeiro.

Eu posso participar do FIV Acessível?

O FIV Acessível conta com certas regras para selecionar seus participantes. Para saber se você pode participar, veja se atende aos seguintes requisitos:

  • ter indicação médica para realizar a fertilização in vitro;
  • comprovar renda familiar de até R$ 5 mil/mês; 
  • comprovar patrimônio máximo de R$ 140 mil.

A tabela de fertilidade me ajuda a saber mais sobre minha fertilidade?

Sim, mas não é um método preciso, já que funciona com mais eficácia em mulheres que têm ciclos menstruais regulares. Em média, o ciclo menstrual dura 28 dias, começa no primeiro dia de menstruação e vai até o último dia anterior à próxima.

A ovulação costuma ocorrer no meio do período fértil. Por isso, a mulher deve contar 14 dias após a vinda da última menstruação, já que a ovulação acontecerá numa janela de 3 dias antes e depois dessa data — o chamado período fértil.

Vale a pena fazer o tratamento?

Com certeza. A fertilização in vitro é um excelente método para casais de idade mais avançada, que querem congelar gametas ou indivíduos que sofrem com endometriose,patologias nas trompas e baixa contagem de espermatozoides. Suas taxas de sucesso podem ir a quase 50%, dependendo da saúde e da idade da mulher.

Pronto para fazer sua FIV com preços acessíveis? Então, entre em contato com o Pró-FIV e marque sua consulta!

Equipe Médica Revisora do Texto

Dra. Hérica Mendonça, Dr. Fábio Peixoto, Dra. Luciana Calazans e Dr. Leonardo.

Deixar comentários