Conheça as 5 vitaminas mais importantes para favorecer a fertilidade

fertilidade

Uma alimentação balanceada é peça chave para uma vida saudável e equilibrada, ainda mais para quem está querendo engravidar. Certos alimentos são benéficos para o sistema reprodutor e para a fertilidade, enquanto outros devem ser evitados. 

Algumas vitaminas podem ajudar nas suas chances de gravidez. No texto de hoje você descobrirá quais são as 5 vitaminas que mais auxiliam na fertilidade e como consumi-las!

O que são vitaminas

As vitaminas são moléculas orgânicas que o organismo humano não tem condições de produzir, por isso precisam ser ingeridas na alimentação. 

Os alimentos mais ricos em vitaminas são as verduras, frutas e legumes, embora elas também sejam encontradas em ovos, cereais, leite e carne. 

Elas são necessárias em pequena quantidade para o funcionamento normal do organismo, pois atuam aumentando a velocidade de reações químicas que acontecem dentro do nosso corpo. 

Atualmente são conhecidas 13 vitaminas necessárias ao funcionamento do corpo humano, confira quais são as 5 mais importantes para favorecer a fertilidade.

Quais vitaminas auxiliam na fertilidade 

O organismo humano está completamente conectado, de forma que uma alimentação saudável com um consumo equilibrado de todas as vitaminas auxilia no funcionamento geral do corpo e consequentemente nas funções reprodutivas. 

Além disso, existem 5 vitaminas que exercem uma influência direta sobre as suas chances de engravidar, veja quais são elas e como elas atuam: 

 

  • Vitamina B6: a vitamina do complexo B aumenta significativamente os níveis de progesterona da mulher. Esse hormônio é necessário para manter o revestimento uterino que vai auxiliar na fixação e desenvolvimento do embrião.

 

 

  • Vitamina B9: também conhecida como ácido fólico, essa vitamina é muito importante para a imunidade em geral, evitando doenças no período fértil. Além disso, ela reduz o risco de alterações cromossômicas nos espermatozoides aumentando a fertilidade masculina e é fundamental durante a gravidez para garantir o correto desenvolvimento do tubo neural(estrutura que dará origem ao cérebro e medula espinhal) do bebê. 

 

 

  • Vitamina B12: a vitamina B12 também auxilia no desenvolvimento fetal e na formação dos espermatozoides, aumentando a qualidade do sêmen e diminuindo as chances de ocorrer um aborto espontâneo. As vitaminas B9 e B12 atuam de forma complementar. 

 

 

  • Vitamina C: ela auxilia na fertilidade masculina, ajudando a elevar a concentração do esperma. Quando combinada com a vitamina E, as duas aumentam a capacidade de locomoção dos espermatozoides. 

 

 

  • Vitamina D: participa na produção de estrogênio no ovário e aumenta a durabilidade dos espermatozoides. A deficiência dessa vitamina pode reduzir em até 75% a produção de folículos e, nos homens, diminui em 45% as chances de sobrevivência dos espermatozoides. 

 

Em quais alimentos eu encontro as vitaminas mais importantes para a fertilidade?

Os alimentos mencionados (carnes, ovos, leite, cereais, frutas, legumes e verduras) podem conter diferentes vitaminas, dependendo de sua composição e coloração. 

Confira em quais alimentos você encontra cada uma das 5 vitaminas mais importantes para a fertilidade:

 

  • Vitamina B6: as principais fontes são levedo, germe de trigo, carne de porco, fígado, cereais integrais, leguminosas, batatas, banana e aveia.

 

 

  • Vitamina B9: a vitamina pode ser encontrada no feijão, nas folhas verdes escuras, na soja e em ervilhas.

 

 

  • Vitamina B12:  fígado, leite e derivados, ovos, peixe e carnes de músculo são alimentos ricos em ácido fólico.

 

 

  • Vitamina C: o nutriente é encontrado em diversas frutas e vegetais, como morango, kiwi, mexerica, brócolis, laranja, caju, abóbora, agrião, beterraba, limão, vegetais verdes e tomate.

 

  • Vitamina D: peixes que vivem em águas profundas, como salmão, sardinha e atum possuem vitamina D. Mas a ingestão desses alimentos não é suficiente, é necessária a exposição ao sol por pelo menos 10 minutos diários sem uso de protetor. 

Posso consumir vitaminas sintéticas?

Os suplementos sintéticos de vitaminas são produzidos por meio de processos químicos industrializados. Isso significa que a matéria-prima desses suplementos não é biológica, eles são gerados por meio de reações entre os componentes. 

Absorção comprometida

Isso diminui a absorção dessas vitaminas pelo nosso corpo. Para que uma molécula seja completamente absorvida, ela deve ser reconhecida por outra presente no organismo e o corpo humano reconhece melhor as moléculas de origem vegetal e animal, que se assemelham ao nosso alimento. 

As vitaminas sintéticas ainda não são capazes de mimetizar essas moléculas perfeitamente. Então não são completamente absorvidas pelo nosso organismo 

Riscos para a fertilidade

Os alimentos sintéticos não causam diminuição da fertilidade ou oferecem nenhum risco ao bebê, porém não são tão eficazes quanto o consumo dos alimentos ou de suplementos naturais. 

Portanto o ideal é que as vitaminas sejam consumidas diretamente nos alimentos que são melhor reconhecidos e absorvidos pelo nosso corpo. 

Se você está tentando gerar um filho comece a inserir em sua dieta os alimentos ricos nas 5 vitaminas mais importantes para favorecer a fertilidade. Mas não se esqueça de que o funcionamento saudável de todo o seu organismo é essencial para o processo de gestação.

Então o consumo de frutas, verduras, legumes, cereais e carnes ricos em outras vitaminas também contribui para o melhor funcionamento de seu organismo e sistema reprodutor e para que o bebê se desenvolva de forma tranquila e saudável.

Equipe Médica Revisora do Texto

Dra. Hérica Mendonça, Dr. Fábio Peixoto, Dra. Luciana Calazans e Dr. Leonardo.

Deixar comentários