5 dicas para ajudar as tentantes a manter a calma

tentantes

As mulheres tentantes são todas as mulheres que estão no processo de tentar engravidar. Isto inclui desde aquelas que iniciaram recentemente até aquelas que já estão na busca a mais tempo e aquelas que estão passando por tratamentos de fertilização.

A busca por gerar um filho costuma ser um processo um pouco tenso e cansativo, uma vez que junto com o sonho pessoal de engravidar está a pressão social para que as mulheres sejam mães. Apesar das dificuldades de lidar com as expectativas e ansiedades pessoais e familiares é crucial que a tentante consiga exercitar sua paciência e manter a calma durante o processo, uma vez que o estresse e o nervosismo podem diminuir as suas chances de sucesso.

Separamos no texto de hoje algumas dicas para auxiliar as mulheres a manter a calma durante este período. Continue a leitura do texto e veja nossas dicas!

Não cultive o sentimento de culpa 

Quando as mulheres estão tentando engravidar por um longo período é comum que surja um sentimento de auto culpabilização. Muitas tentantes depois de algum tempo começam a sentir que não são capazes ou merecedoras de gerar uma criança e se sentem culpadas por isso.

Também pode surgir uma tendência a olhar para o passado e questionar as decisões tomadas na época. Alguns pensamentos que geralmente surgem são:

  • “por que eu não tentei engravidar quando era mais jovem?”
  • “por que priorizei a minha carreira (ou algum outro fator da vida) ao invés da possibilidade de gerar um filho ou constituir uma família?”
  • “por que eu não cuidei melhor da minha saúde?”

Estas são apenas algumas questões que podem chegar e fortalecem o sentimento de auto culpabilização e responsabilização.

Porém é importante lembrar que na época em que tais decisões foram tomadas a mulher ou o casal estava em outro momento da vida e com outras prioridades. Além disso, é impossível mudar o passado e alimentar tais dúvidas e questionamentos vai aumentar os sentimentos negativos como aflição, ansiedade e raiva.

Portanto é importante fazer um exercício de olhar para a situação sob uma nova perspectiva. É completamente natural que algumas mulheres não consigam engravidar de maneira natural e recorram a tratamentos de fertilização para gerar um filho. Não é culpa da mulher que o seu corpo reaja de determinada maneira ao processo de fecundação.

Ao invés de olhar para o passado ou de entrar em um processo de se desmerecer ou se inferiorizar, concentre suas energias no presente e no futuro. Foque em agir com as opções que você possui hoje para conseguir gerar um filho.

Não se compare a outras mulheres

Cada homem e cada mulher possui diferentes índices de fertilidade, seja pela idade, pela genética, pelo estilo de vida ou outros motivos. Portanto é natural que o processo de tentativas seja diferente para cada casal.

É importante que a tentante tenha isso em mente e evite se comparar com outras mulheres e outros casais que conseguiram engravidar de maneira natural ou já possuam filhos. Coloque o seu foco no seu próprio procedimento e ao invés de se espelhar em pessoas com experiências diferentes da sua procure conversar com casais que passaram ou estão passando por tratamentos de fertilização.

Converse com casais que fizeram tratamentos de fertilização

As pessoas que viveram ou estão vivendo o mesmo processo que você vão compreender os seus medos e as suas dificuldades. Saber que o casal não está sozinho neste momento delicado pode ser muito reconfortante, ajuda a manter a calma e aumenta as esperanças de gerar um filho.

O casal pode também compartilhar técnicas e estratégias que usaram para aumentar as chances de engravidar e para manter a calma e a tranquilidade durante o procedimento.

Pratique exercícios físicos

A prática de exercícios físicos com certeza será de grande ajuda para aliviar o estresse e as tensões que surgem neste momento. Os exercícios ajudam a liberar a serotonina, um hormônio que atua de forma muito benéfica em nosso organismo regulando o sono e combatendo a ansiedade e outros distúrbios de humor.

Os exercícios também aumentam as chances de gravidez, uma vez que ajudam a controlar o peso e melhorar o condicionamento físico e a saúde o corpo como um todo. A autoestima e a libido também são afetados com a prática física e a liberação da serotonina, melhorando o desempenho e a aumentando a frequência das relações sexuais.

Tome chás diariamente

A maioria dos chás podem ajudar as tentantes a controlar a ansiedade e manter a calma, pois possuem sedativos suaves. Algumas ervas muito comuns, fáceis de encontrar para comprar e de preparar são a camomila, a erva-doce, a melissa, a folha de maracujá, a tília e o hortelã. Comece a preparar e ingerir pelo menos uma xícara por dia de um chá a sua escolha e você perceberá a diferença.

É perfeitamente normal que as tentativas de gravidez sem sucesso criem ansiedade e estresse. Porém existem práticas e hábitos que podem ser incorporados ao seu dia a dia para aumentar a sua qualidade de vida e aumentar as chances de uma gravidez tranquila.

Quer saber mais?

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário abaixo e breve entraremos em contato!

Agendar Consulta

    Equipe Médica Revisora do Texto

    Dra. Hérica Mendonça, Dr. Fábio Peixoto, Dra. Luciana Calazans e Dr. Leonardo.

    Deixar comentários